30 março, 2014

Resenha: O código Da Vinci - Dan Brown

  Oi galerinha, falei que voltava rápido, não foi?
  Então, que tal falarmos de uma das obras mais conhecidas e vendidas de Dan Brown?


Livro: O código Da Vinci
Autor: Dan Brown
Editora: Sextante
ISBN: 9788575421130
Ano: 2004
Páginas: 475
Sinopse: Um assassinato dentro do Museu do Louvre, em Paris, traz à tona uma sinistra conspiração para revelar um segredo que foi protegido por uma sociedade secreta desde os tempos de Jesus Cristo. A vítima é o respeitado curador do museu, Jacques Saunière, um dos líderes dessa antiga fraternidade, o Priorado de Sião, que já teve como membros Leonardo da Vinci, Victor Hugo e Isaac Newton. Momentos antes de morrer, Saunière consegue deixar uma mensagem cifrada na cena do crime que apenas sua neta, a criptógrafa francesa Sophie Neveu, e Robert Langdon, um famoso simbologista de Harvard, podem desvendar. Os dois transformam-se em suspeitos e em detetives enquanto percorrem as ruas de Paris e de Londres tentando decifrar um intricado quebra-cabeças que pode lhes revelar um segredo milenar que envolve a Igreja Católica.Apenas alguns passos à frente das autoridades e do perigoso assassino, Sophie e Robert vão à procura de pistas ocultas nas obras de Da Vinci e se debruçam sobre alguns dos maiores mistérios da cultura ocidental - da natureza do sorriso da Mona Lisa ao significado do Santo Graal. Mesclando com perfeição os ingredientes de uma envolvente história de suspense com informações sobre obras de arte, documentos e rituais secretos, Dan Brown consagrou-se como um dos autores mais brilhantes da atualidade. "O Código da Vinci" prende o leitor da primeira à última página.

  O famoso professor de arte, R. L, após passar por vários perigos em Roma, terá agora que desvendar o assassinato de seu amigo, que o deixa uma mensagem cifrada. Parece que Robert, não consegue ficar longe do perigo. Robert precisará ajudar a única pessoa que pode descifrar a mensagem, Sophie, neta de Jacques, que em meio ao luto deverá se erguer para junto a Robert salvar suas vidas e descobrir o mistério envolvendo a morte de seu avô.


  Quem nunca quis conhecer Paris? É nesta linda cidade que a trama se desenvolve, e junto ao livro iremos conhecer lugares lindos, lugares escondidos, lugares que muitos não sabiam que existiam. Vamos fazer um tour pelas obras de Da Vinci, por Igrejas antigas e Museus. 

  O livro é, como de costume de Dan, narrado em terceira pessoa. E nesse segundo livro ele demostra um tradicionalismo em sua obra. Capítulos divididos entre dois protagonistas principais, como também, capítulos calmos com mistério e descobertas; e, capítulos de ação, perigo. Também nesse livro os capítulos não estão divididos por quebra página, o que eu disse na resenha de Anjos e Demônios, que eu não gosto, por isso mantenho a nota 4,5 e vou manter em todas as obras de Dan, porque todos são assim. No que tange as letras e páginas elas continuam confortáveis.

  Bom, sobre a história, vamos concordar sobre o seguinte: essa obra seria uma continuação de Anjos e Demônios, é a segunda aventura de R.L, então se puderem ler a primeira obra aproveitem pois você entenderá muito de R.L, e já tem uma ideia do que ele é capaz no segundo livro. Talvez, você se surpreenda mais ainda com Robert. Porém, não tem como regra ler depois de Anjos e Demônios, porque não se trata de uma saga na qual um livro está nitidamente conectado com o outro. Pode-se ler sem ter lido A.D.

  A trama é diferente, temos outras personagens, mistérios diferentes, cenário diferente. É uma trama muito boa, com novos ensinamentos, porque como é de estilo do autor, ele faz um misto de realismo com ficção, e sabe conectá-los perfeitamente. Então é uma obra que o leitor está em constante aprendizado, como também, está fazendo as descobertas junto com Langdon, suscitando dúvidas e até mesmo lhe dando sugestões do tipo "não vai por ai, não! cuidado!" 
“A única coisa que realmente importa é o que você acredita”.
Museu do Louvre, Paris22:46
O renomado curador Jacques Saunière percorreu cambaleante a arcada abobadada da Grande Galeria do museu. Lançou-se de encontro à pintura mais próxima que enxergou, um Caravaggio. Agarrando a moldura dourada, o homem de 66 anos puxou a obra-prima para si até despencar para trás, arrancando o quadro da parede e caindo de qualquer jeito por baixo da tela.
Como havia previsto, um portão de ferro desceu, com grande estrondo, ali perto, lacrando a entrada do conjunto de salas do gabinete. O assoalho de parque tremeu. Bem distante, um alarme começou a soar.
O curador ficou ali deitado um instante, arquejante, avaliando a situação. Ainda estou vivo. Rastejando, saiu de baixo do quadro e esquadrinhou o ambiente cavernoso, procurando onde se esconder.
Uma gélida voz soou, assustadoramente próxima.
- Não se mexa.
De quatro, o diretor paralisou-se, virando a cabeça devagar.
A apenas cinco metros, diante do portão lacrado, a silhueta monstruosa de seu agressor espreitava-o por entre as barras de ferro. Era espadaúdo e alto, pele branca como a de um fantasma e cabelos também brancos e ralos. As íris eram rosadas, com pupilas vermelho-escuras. O albino sacou uma pistola do casaco, e, passando o cano entre as barras, apontou-a diretamente para o diretor.(Prólogo)
  Não é uma trama massante, ao contrário é muito interessante e reflexivo, você se joga na obra como leitor e também conhece coisas reais em que você nunca ouviu falar, aprende mais sobre arte, sobre história e religião. A parte de ficção é extremamente empolgante, não tem como você se desligar do livro. Vale a pena ler.

Até logo, kiss






~ Não esqueça de seguir nossas redes sociais ~

Um comentário:

  1. Oi Adorei demais sua resenha...mas vc já leu o livro que está revolucionando a História?....Não!! Então eu te apresento o livro reverso, o qual está sendo usado por Deus, para por em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ao mesmo tempo inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos.. acesse o link e digite a palavra reverso e de uma conferida na sinopse do livro...ha a capa do livro é linda ela traz o universo de fundo..www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?

    ResponderExcluir