19 maio, 2014

Resenha: Os delírios de Consumo de Becky Bloom - Sophie Kinsella

  Oi, galera. Tudo bem!??

  Não posso afirmar que esta é uma resenha, pois eu não irei me ater ao conteúdo do livro em si. Dizendo o a premissa e o que acontece com a personagem principal. Já começo o post dizendo que eu não gostei do livro e esse é o conteúdo dessa resenha.

  Essa é uma das poucas vezes que eu posso afirmar que o filme é melhor do que o livro. Eu ganhei este livro no fim do ano passado(eu ganhei em inglês, por isso o título com os dois nomes), já tinha visto o filme e quis ler o livro (eu já tinha lido "Fiquei com o seu número" da mesma escritora e até achei engraçado) aí quis ler o original, pensando que "o livro sempre é melhor que o filme".

Livro: Os delírios de consumo de Becky Bloom (Becky Bloom #1)
Autor: Sophie Kinsella
Editora: BestBolso
ISBN: 9788577991211
Ano: 2009
Páginas: 363
Sinopse: Rebecca Bloom é uma jovem londrina com o péssimo hábito do consumismo compulsivo. Apesar de ser uma jornalista especializada em mercado financeiro, não consegue controlar as finanças pessoais. Endividada até a alma, vive fugindo do seu gerente de banco e procurando fórmulas mirabolantes para pagar a fatura do cartão de crédito. E ainda encontra tempo para se apaixonar. Um romance muito divertido que faz um retrato de muitas mulheres das grandes cidades.  

  Vou confessar que a minha decepção foi enorme, eu sabia do que se tratava o livro mas eu não havia imaginado o quão irritada eu ficaria com essa caricatura ridícula feita no livro. Isso me despertou para o fato de que é o segundo livro que leio da autora e as personagens se assemelham em estupidez. Entendo que o exagero faz parte do humor, mas ler um livro em que a personagem não amadurece durante a narrativa é frustrante. Sem exageros, ela fica menos pior nas últimas 30 páginas do livro, terminei mais por obrigação do que por diversão, ainda deixei alguns dias de longe por falta de vontade de ler.

  Gosto de personagens fortes e destemidas. Mesmo em um Chick-Lit eu acredito que cabe uma mulher assim, afinal de contas é um livro de mulheres escrito por mulheres, geralmente. Então porque fazer essa imagem exagerada e estúpida da figura feminina e não uma personagem forte que vai se desenvolvendo e crescendo junto com a narrativa? O intuito é o humor, que haja humor, mas que haja um humor crível, já que este tipo de literatura narra o cotidiano da mulher moderna.

  Fica aqui minha opinião, não gostei e não tenho a mínima vontade de ler os outros livros da série da Becky Bloom. Talvez eu ainda dê outra oportunidade para a escritora lendo algum outro título, mas por hora eu só posso externar minha decepção. O filme é bem mais divertido, isso eu garanto.
Quanto ao nível do inglês, achei tranquilo. Pré Intermediário.

Beijos e até a próxima! 






~ Não esqueça de seguir nossas redes sociais ~

7 comentários:

  1. Oi May!

    Menina, amei sua sinceridade e o blog também, claro ♥
    Sempre tive curiosidade de ler (assim como você, amei o filme)... E ao contrário, sua resenha negativa estimulou ainda mais minha vontade, viu? Também concordo que a personagem deveria crescer durante a leitura, que graça tem dela ficar na mesma diante as 300 páginas? Eu provavelmente vou ler esse livro logo, gosto de ver se eu acho o mesmo que aquela pessoa achou hahahaha Muito boa sua resenha, viu? Admiro muito blogueiros literários sinceros.

    Beijos
    http://www.estantedasfadas.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol!
      Pra começar adorei sua foto! esse livro é MUITO Muso!♥
      ahahah Me conta o que achou depois, tá? Assim, dá pra tirar proveito de algo... Tipo repensar seus impulsos consumistas rs mas achei em geral cansativo!
      Ansiosa pra saber sua opinião!

      Beijinhos!

      Excluir
  2. Olá Denise, Mayra e Aline. Adorei a resenha. Gosto muito quando o autor da crítica expõe sua verdadeira impressão do livro sem subterfúgios ou disfarces. Você foi muito categórica Mayra e isso valorizou muito, pelo menos para mim, a sua crítica. As pessoas deveriam fazer isso que você fez ao escreverem alguma coisa comentando uma leitura e não simplesmente dizerem coisas estereotipadas. E finalmente, quero dizer que, embora raro de acontecer, algumas vezes o filme é melhor que o livro. Parabéns.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alberto!
      Obrigada! Isso me mostra que estamos indo pelo caminho certo e me deixa muito feliz!
      Beijos!

      Excluir
  3. Eu amei o filme, mas nunca me interessei por ler o livro.. Super Beijos ♥

    www.blogestilofeminino.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não acho que esteja perdendo muita coisa! rs
      O filme é Muito bom :)

      Beijinhos!

      Excluir
  4. Adorei o filme, porém não li o livro, mas agora com sua crítica realmente não sei se quero. Comentei sobre o filme no meu blog também, se quiser conferir: http://misssorrisos.blogspot.com.br/2014/03/os-delirios-de-consumo-de-becky-bloom.html

    Beijos,
    http://misssorrisos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir