26 maio, 2014

Resenha: O Morro dos Ventos Uivantes - Emily Brontë

  Oi, galera. Tudo bem!?

  Hoje eu vim falar do segundo livro sorteado na minha T.B.R. Jar! : "O Morro dos Ventos Uivantes".
Eu comprei no ano passado, se não me engano, e nunca li. Ele sempre ficou ali flertando comigo mas eu sempre tinha outras coisas para ler. Com a T.B.R. eu dei uma chance para ele, e eu adorei! ♥♥♥ 

  Esse é aquele momento da sua vida em que você se pergunta : " Porque eu não li esse livro antes!?"

Livro: O morro dos ventos uivantes
Autor: Emily Brontë
Editora: Abril Coleções
ISBN: 9788579710247
Ano: 2010
Páginas: 436
Sinopse: Na fazenda chamada Morro dos Ventos Uivantes nasce uma paixão devastadora entre Heathcliff e Catherine, amigos de infância e cruelmente separados pelo destino. Mas a união do casal é mais forte do que qualquer tormenta: um amor proibido que deixará rastros de ira e vingança. "Meu amor por Heathcliff é como uma rocha eterna. Eu sou Heathcliff", diz a apaixonada Cathy.O único romance escrito por Emily Brontë e uma das histórias de amor mais surpreendentes de todos os tempos, O Morro dos Ventos Uivantes é um clássico da literatura inglesa e 

  A história é tão repleta de reviravoltas, de tensão e de paixão que fica difícil desgrudar da leitura. A narrativa envolve duas gerações, e é surpreendente, ardente, intensa! Repleta de críticas à sociedade da época. ♥


 Tudo começa quando um inquilino, Sr Lokwood, resolve visitar o senhorio em "Wuthering Heights". Chegando lá ele se vê em meio a uma "família" peculiar. O interesse pela história que cerca o lugar o fazer retornar mesmo contra a vontade do senhorio - Sr Heathcliff. Por uma itemperie ele se vê obrigado a passar a noite em Wuthering; assombrado por um "fantasma do passado" ele resolve que vai desvendar os mistérios que cercam a propriedade. No retorno pra casa descobre que a governanta da casa que ocupa costumava viver na casa em que agora reside o senhorio. Esta começa a narrar a história das famílias de Wuthering e de Thrushcross Grange e é aqui que a história fica boa!

  E essa narrativa é tão deliciosa que eu me sinto até repetitiva em dizer que não tive vontade de parar! Fiquei extremamente intrigada com a complexidade do gênio dos personagens, o amor que extrapola barreiras, que consome, que chega a sufocar. Não vou ficar falando muito para que aqueles que como eu, nada sabiam da história possam se aventurar sem saber o que encontrarão à frente!

  Deixo aqui algumas citações que me agradaram muitíssimo e as minhas recomendações de que leiam esse clássico de mente e coração abertos!


" E não é porque ele seja bonito, Nelly, mas porque ele e mais eu do que eu própria. Não sei do que são feiras nossas almas, mas sei que a minha alma e a dele são iguais."


"... Mas você, como todo mundo, deve ter a crença de que existe, ou deve existir outra vida, à nossa frente. Para que serviria eu ter existido, se ficasse inteiramente restrita aqui?" 

" Tinha juizo o bastante para compreender o temperamento de Heathcliff; sabia que, embora o exterior houvesse mudado, o espírito era imutável e não se alterara." 


Beijinhos e até a próxima! ♥♥♥






~ Não esqueça de seguir nossas redes sociais ~

Um comentário:

  1. Já ouvi muito sobre esse livro, li um livro que a personagem citava várias vezes esse livro. Mas nunca procurei para ler!!! Super Beijos ♥

    www.blogestilofeminino.com

    ResponderExcluir