25 junho, 2014

Resenha: Todo Dia - David Levithan

Livro: Todo Dia
Autor: David Levithan
Editora: Galera Record
ISBN: 978-85-01-09951-8
Ano: 2013
Páginas: 280
Sinopse: Toda manhã, A acorda em um corpo difrente, em uma vida diferente. Não há qualquer aviso sobre quem será ou onde estará em seguida. De menina a menino, rebelde a certinho, tímido a popular, saudável a doente; A precisa se adaptar.  Já se acostumou com isso e até criou algumas regras para si. Primeira: nunca se apegar; segunda: jamais interferir. E tudo corre bem... até que A desperta no corpo de Justin e conhece sua namorada, Rhiannom.  A partir desse momento, as regras pelas quais tem vivido não fazem mais sentido. Porque, finalmente, A encontrou alguém com quem quer ficar; dia após dia, todo dia. Mas como esperar que uma pessoa que sempre viveu uma vida normal possa entender a realidade de A? Ou até mesmo acreditar nela?  Enquanto lutam para se reencontrar a cada 24 horas, ambos precisam enfrentar seus próprios demônios, superar suas limitações e redefinir suas prioridades. Rhiannon conseguirá ficar com alguém que muda a cada dia? E até onde A acha justo (ou ético) interferir nas vidas de quem habita? Mas, principalmente, o amor pode mesmo vencer qualquer barreira?


  Todo Dia conta a história de A, um ser humano que não é menino e nem menina, que acorda todo dia em um corpo diferente.  Ele (vou tratar como "ele", que é o que o livro faz com que acreditamos que ele seja) se "hospeda" por um dia em corpos que sempre tem a mesma idade dele.


  Um dia ele pode acordar como uma garota, no outro como um gay, drogado, negro, alto, rico, pobre, enfim, cada dia ele é uma pessoa diferente. E assim ele passa seus dias, tentando não interferir e nem se apegar a família, amigos, etc, do corpo que habita. Mas quando ele se apaixona, tudo muda.

  Mas como se relacionar com uma pessoa, se você não sabe como e onde acordará na manhã seguinte?

"A bondade tem a ver com quem você é, enquanto a gentileza tem a ver com o modo como quer ser visto."


  O livro é narrado em primeira pessoa e na visão de A, o que faz com que tenhamos consciência de como o corpo que A hospeda é, como é sua relação com a família, amigos e namorados(as).

   Bom, o que dizer desse livro?! É incrível! O livro trás ensinamentos bem reflexivos, como: que não devemos rotular as pessoas, e sim dar valor ao que elas tem por dentro.


  Mas esse meu incrível tem um porém. Sim, achei o livro incrível, mas faltou coisas para deixá-lo perfeito.

E o que faltou? Então, o livro em si, é muito bom, mas chega um momento em que a história começa a se soltar, tirando o fato que o final que o livro teve não me agradou nenhum pouco. Durante a leitura criei uma certa expectativa nesse relacionamento de A, que o que dele desejava, acontecesse, mas não foi bem assim. Vou parar por aqui, porque não quero dar spoilers. Mas tirando esse fato, o livro é muito bom, a narrativa é gostosa e flui bem rapidamente.

  David Levithan soube colocar esses ensinamentos de um modo que não fosse forçado, pelo contrário, ele passa de um modo que nós nem percebemos. Ele faz com que refletimos aos poucos, de um jeito que me cativou bastante.


  Com certeza eu recomendo e com certeza leria de novo. Todo Dia é a mesma coisa que o livro Extraordinário, que todos devem ler, não importando a idade.

  Todo Dia foi a minha quarta leitura na Maratona Literária #EuSouDoideira. E uma das regras da maratona é escolher uma música para o livro lido, eu resolvi escolher uma música que é citada no livro. E eu escolhi Running Up That Hill, da banda Placebo.


Beijos e até mais!








~ Não esqueça de seguir nossas redes sociais ~

21 comentários:

  1. Bem, comentei aqui antes e não sei se apareceu, mas achei o livro diferente de tudo que já vi e quero muito ler ele assim que tiver oportunidade$.rsrsr Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Viiish kkkk
      Leia sim,Sá! Ele é muito bom!

      Beijos

      Excluir
  2. Oi Denise,

    Ai, eu simplesmente amo esse livro. Sei que o final não agradou muito a muita gente, mas mesmo que não tenha me agradado totalmente eu entendi o porque dele e acabei gostando. Além disso, o livro nos traz vários ensinamentos e marquei infinitos quotes. Gostei bastante da sua resenha!!

    Beijinhos,

    Rafaella Lima
    Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rafa,
      Também amo esse livro, apesar de querer outro final para ele. Também marquei infinitos quotes haha
      Obrigada!

      Beijinhos

      Excluir
  3. Oi Denise,
    Eu tenho ease livro, mas ainda não li. Pelo que pude entender da história A sofre muito, ainda mais quando se apaixona.
    Uma pena o final não ter lhe agradado.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Michelle,
      Pois leia, ele é muito bom, apesar de o final não ser o que eu esperava, mas isso não atrapalhou muito na história, que é linda.

      Beijos

      Excluir
  4. Oi Denise, Todo dia é uma das minhas próximas leituras e estou com muita vontade de lê-lo! Essa conotação presente no que o A é, é algo que me fez interessar muto pela história, espero que eu tenha uma relação melhor com desfecho que você. Não me dou muto bem com livros que não gosto do desfecho, sabe? Enfim, gostei da resenha!

    Dani
    A Thousand Lifetimes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dani
      Pois então, o final não me agradou, mas se parar para pensar, o final deveria ser assim, infelizmente.
      Também achei bem interessante a conotação do que o A é.
      Mas leia, tire suas próprias conclusões.

      Beijos

      Excluir
  5. Bem legal a ideia que o livro transmite de não rotular as pessoas, ele deixa claro que devemos observar a essência e não apenas o físico pois como diz o ditado ''Por fora bela viola por dentro pão bolorento''.
    Abraços...
    Blog Literatura Para O Saber...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato, adorei isso no livro! Nunca devemos rotular as pessoas, como você disse, elas podem ser bonitas por fora, e podres por dentro, ou o contrário.

      Beijos

      Excluir
  6. Olá Denise, a capa desse livro é linda e estória é bem inusitada e interessante, essa ideia que o autor teve foi incrível, espero comprar esse livro na black friday, pois é, já to pensando no fim do ano, gostei da resenha.

    Beijos.
    http://marcasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Vini
      Se puder comprar no BF, compre, se não me engano, também comprei no BF do ano passado. A capa é linda! Obrigada!

      Beijos

      Excluir
  7. Tenho muita vontade de ler este livro e espero gostar e pelo que vi aqui vai ser uma boa leitura.

    Beijos Fê ;*
    http://fernandabizerra.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim Fê, é uma ótima leitura!

      Beijos

      Excluir
  8. Ai você se pergunta como alguém tem uma ideia dessa! Muito bom! E a vontade de ler só cresce :D bjs
    http://horadaleitur.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, David Levithan é brilhante *-* Leia, sim :D

      Beijos

      Excluir
  9. Quero ler esse livro faz tempo, a trama diferente dele me agrada muito e me desperta grande curiosidade.
    Uma pena o final não ter te agradado.
    Espero gostar do livro quando ler ^^

    Um beijão
    Lara - Magia Literária
    http://www.magialiteraria.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu adorei a leitura, só não gostei do final, mas fazer o que?! Continuo amando o livro!

      Beijos

      Excluir
  10. Denise!
    Desde o lançamento desse livro tive curiosidade para lê-lo...
    Acho incrível uma imaginação criar um personagem onde a cada dia amanhece em um corpo diferente e não pode interferir na vida da pessoa.
    Me deiXa curiosa por saber: qual o sentido disso? Onde ficam as pessoas que ele está no corpo durante o período de um dia? e muitos outros questionamentos...
    cheirinhos
    Rudy
    MTE-GRUPO NO FACE

    ResponderExcluir
  11. Ganhei esse livro de uma super amiga no meu aniversário, mas como não faz nem uma semana, não tive tempo para lê-lo.
    Ela simplesmente adorou o livro e disse que nos faz refletir mesmo... Minha próxima leitura depois dessa resenha!

    Devaneios Estrellares

    ResponderExcluir
  12. Oi Dê, ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii sua resenha
    as fotos estão demais e a música?
    Que isso menina quer me matar?
    Maravilhoso , você fez tudo perfeito , in love.

    PRECISO TOMAR VERGONHA NA CARA E LER LOGO.
    ameiiiiiiiiii de verdade.

    beijinhos <3

    ResponderExcluir