16 março, 2015

Resenha: Perdendo-me - Cora Carmack

Livro: Perdendo-me (Losing It #1)
Autor: Cora Carmack
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581635279
Ano: 2014
Páginas: 288
Sinopse: VIRGINDADE. Bliss Edwards vai se formar na faculdade e ainda tem a sua. Chateada por ser a única virgem da turma, ela decide que o único jeito de lidar com o problema é perdê-lo da maneira mais rápida e simples possível com uma noite de sexo casual. Tudo se complica quando, usando a mais esfarrapada das desculpas, ela abandona um cara charmosíssimo em sua própria cama. Como se isso não fosse suficientemente embaraçoso, Bliss chega à faculdade para a primeira aula do último semestre e... Adivinhe quem ela encontra?


  Bliss Edwards tem um problema: ela irá se formar na faculdade e adivinha? É a única garota do último ano que nunca transou. Sim, esse é o grande problema dela. Mas claro que isso não é assim tão fácil de perder quanto perder suas chaves, por exemplo. Decidida a não ser a última virgem da faculdade, resolve ir para o bar e escolher um homem aleatório com quem irá perder a virgindade. O problema é que ela é uma pessoa tão desastrada que seu plano acaba não dando certo.

  Nesse bar ela conhece Garrick, um charmoso britânico. Ela se sente atraída por ele no mesmo instante em que começam a conversar. Depois de alguns drinks e muita conversa ela resolve convidá-lo para o seu apartamento. Claro, será bem fácil esquecê-lo. O que ela não espera é que a sua noite incrivelmente perfeita acabe de um jeito tão desastrado.


  Na manhã seguinte, Bliss tenta esquecer o episódio da noite anterior. Mas parece que o destino não quer que ela esqueça e faz com que Garrick, o charmoso bonitão da noite passada seja seu professor. Super fácil esquecer. Mas quanto mais Bliss se afasta, mais problemas ela atrai. Fora isso ainda tem a grande audição do teatro, o fechamento de seu curso: e ela quer o papel principal. Nem que para isso ela tenha que arriscar mais do que está acostumada.

  Confesso que pela sinopse não achei que fosse me apaixonar tanto pela história! A escrita da autora é incrível e quando percebi estava na metade do livro. É uma história muito engraçada e divertida. Bliss é um ser humano muito atrapalhado. Mas é uma personagem muito boa. Apesar de seu drama com a virgindade, o que torna quase uma obsessão, ela não é uma personagem cansativa. Me diverti muito lendo esse romance com um temperinho erótico no meio. É bem pouco, posso garantir. É só uma dose pequena.

  É uma história simples, achei que fosse ter um possível triângulo amoroso, mas a autora cortou a possibilidade depois de dois capítulos no máximo. Ponto para a Cora! Ela descreve como uma opção, mas não segue em frente para a minha felicidade. Me perdi nas deliciosas páginas desse livro e mal posso esperar para ler a continuação – que não é bem uma continuação, pois mudam os personagens – que a Editora Novo Conceito lançou agora em março. Não percam a resenha de Fingindo em breve aqui no blog. É uma leitura que todos precisam fazer para relaxar, dar boas risadas e sofrer pelo casal. Não tinha como não ganhar a pontuação máxima né?

Beijos!

~ Não esqueça de seguir nossas redes sociais ~

Nenhum comentário:

Postar um comentário